I say blog!
  • 15
  • jul

Curetagem é a cirurgia mais realizada no Brasil

CURETAGEM 300x199 Curetagem é a cirurgia mais realizada no BrasilCerca de três milhões de mulheres foram submetidas à cirurgia de curetagem, ou seja, ao procedimento para limpar o útero após a realização de um aborto.  As cirurgias foram feitas na rede pública, pelo Sistema Único de Saúde (SUS), no período entre 1995 e 2007, segundo o Ministério da Saúde.

O aborto, ato que precede a curetagem, é uma das principais causas de morte no país e motivo de maus tratos, por parte de profissionais da saúde, a mulheres que buscam atendimento médico.  Mas, não há números oficiais sobre aborto no Brasil, porque ao buscar atendimento médico, após abortar, a maioria das mulheres não informa se o procedimento foi legal, espontâneo ou ilegal, temendo punições.

De acordo com as ONGs Ipas Brasil e Grupo Curumim, em alguns estados, como Bahia e Pernambuco, por exemplo, as complicações do aborto são a primeira causa de morte de mulheres. As pesquisas, realizadas pelas organizações em apenas cinco estados, incluindo o Rio de Janeiro, comprovaram que há crueldade no procedimento, em vez de utilizarem o método de aspiração manual, um processo simples que não põe a mulher em risco, efetua-se a raspagem com instrumento perfurante que, em muitos casos, provoca hemorragias e infecções, consequentemente a morte.  O método de raspagem com objeto perfurante é verificado em mais de 90% dos casos e é considerado arcaico pela Medicina. 

Apesar de a lei brasileira ser restritiva esta não impede que os abortos continuem sendo realizados em todo o território, encobrindo “tabus e estigmas” em torno do problema. O aborto é tratado como crime e pecado pelos profissionais da saúde, que se negam a dar o atendimento, provocando o agravamento do estado das mulheres levando à  morte. Além de grave violação a um direito humano.

Segundo dados do Ministério da Saúde foram realizados no SUS mais de 32 milhões de procedimentos cirúrgicos entre 1995 e 2007. Entre os 1.568 tipos de cirurgias, as curetagens ficaram em primeiro, com 3,1 milhões de registros. Em seguida, ficaram as cirurgias para correção de hérnia, com 1,8 milhões de casos; retiradas de vesícula, 1,2 milhões; plástica de vagina e períneo, 1,1 milhões; e retirada do apêndice, 923 mil.



2 Comentários Publicado por Mondarto
Tags associadas ao artigo: , , , .
Outros artigos:

Artigos relativos a "Curetagem é a cirurgia mais realizada no Brasil"

  • Mulheres brasileiras casadas praticam mais aborto
    Mulheres brasileiras casadas praticam mais aborto

    Um estudo da Universidade de Brasília (UnB), financiado pelo Ministério da Saúde, traçou o perfil da maioria das mulheres que recorreram ao aborto no Brasil. Segundo a pesquisa, dentre as [...]



Comente:

2 comentrios su "Curetagem é a cirurgia mais realizada no Brasil"

  1. [...] e na Irlanda, apesar dos efeitos colaterais, o produto foi considerado seguro, por não provocar aborto ou riscos à saúde. Dentre os efeitos colaterais mais frequentes após a utilização da pílula [...]

  2. [...] acordo com pesquisa elaborada pela Universidade de São Paulo (USP), a curetagem foi a cirurgia mais realizada pelo SUS entre 1995 e 2007, contabilizando 3,1 milhões de [...]


Imagens

3maçã
Progeria
Ambiente saudável
Medicamentos

Feed RSS

Mantenha-se sempre atualizado, assine agora o Feed Rss.

Cadastre-se & Login

Cadastre-se e identifique os seus comentários.

Newsletter

Cadastre-se para receber todos os novos posts do blog:





© Corpo Saun, is part of the network IsayBlog! whose license is owned by Nectivity Ltd.