I say blog!
  • 13
  • jan

Cardiopatias congênitas em bebês

feto Cardiopatias congênitas em bebêsUm projeto pioneiro foi implementado no Hospital do Coração (HCor), em São Paulo, fruto de uma parceira com o Ministério da Saúde, para atender e tratar bebês diagnosticados com doenças congênitas no coração.

Durante a gestação, se for identificada no bebê anomalias congênita cardíacas é possível oferecer tratamento ainda no útero, se o caso possibilitar tal procedimento. A coordenadora do projeto, Simone Pedra, afirma que o diagnóstico de cardiopatias durante o pré-natal traz inúmeras chances de êxito no tratamento do bebê, além de permitir programar o local, a idade gestacional e a via de parto mais adequado para o bebê e a gestante, se cesariana ou um parto normal.

Na rede pública de atenção básica, ou seja, nos postos de saúde, onde as gestantes fazem acompanhamento pré-natal e exames regulares, se detectada alguma alteração ou possibilidade de problema cardíaco no feto, o médico é quem deverá encaminhar a grávida para o HCor para uma investigação mais aprofundada. No hospital a gestante passará por exames específicos, como ecocardiograma fetal e, caso se confirme o problema, ambos, futura mamãe e bebê serão acompanhados pela equipe do hospital e o parto, inclusive, realizado nesta unidade de assistência, se o recém-nascido necessitar de atendimento imediato nas primeiras horas de vida. E após o nascimento, a criança é acompanhada e tratada até o momento em que estiver curada.

O projeto foi colocado em prática no ano passado e até os primeiros dez dias deste mês, janeiro de 2010, efetuou diversos atendimentos, já que muitos planos de saúde não cobrem o procedimento cardíaco intrauterino. No período foram realizados 45 ecocardiogramas, 19 partos e três procedimentos cardíacos intrauterinos.

No país, além do Hospital do Coração, outras unidades filantrópicas, como o Hospital Sírio-Libanês, Oswaldo Cruz, Albert Eisnten, todos em São Paulo e a Associação Hospitalar Moinhos de Vento, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, assinaram convênio e integram o projeto.   



6 Comentários Publicado por Mondarto
Outros artigos:

Artigos relativos a "Cardiopatias congênitas em bebês"

  • Grávidas fumam mesmo sabendo dos riscos para os bebês
    Grávidas fumam mesmo sabendo dos riscos para os bebês

    As mulheres grávidas conhecem bem os males que o cigarro pode causar ao bebê, mas isto não basta. Segundo  uma  pesquisa  da Secretaria  de Estado Saúde de São Paulo, elaborada com dados obtidos a partir [...]


  • Nascimento de bebês com baixo peso está acima do recomendado pela OMS
    Nascimento de bebês com baixo peso está acima do recomendado pela OMS

    O Ministério da Saúde divulgou dados preliminares mostrando que o  índice de bebês com baixo peso ao nascer vem aumentando no Brasil nos últimos anos. Na contramão  da melhoria  dos  indicadores  de  saúde  de  recém-nascidos, os dados revelam que, somente no [...]



Comente:

6 comentrios su "Cardiopatias congênitas em bebês"

  1. [...] o que corresponde a quatro xícaras, torna menores as chances de diabetes e não há riscos para o coração, complementam os cardiologistas. Comente! Publicado por Mondarto Tags associadas ao [...]

  2. [...] drogas antiarrítmicas ainda são eficientes e devem ser sempre a primeira opção no tratamento de fibrilação atrial. Comente! Publicado por Mondarto Tags associadas ao artigo: arritmia, coração, doenças [...]

  3. daiana lopes soares

    ola meu nome e daiana tenho 23 anos sou diabetica e tebhi um filho de 6meses e ele e cardiopata tem civ ha uns 20 dias apareceu a bronquite nele e ele ta bm atacado tenho muitas duvidas sobre uma cirurgia que ele tem que fazer no coracao issu esta me amedrontando d+ porque ele tambem e prematuro de 35 semanas e e muito pequeno por favor se puderem me ajudar agradeco desde ja moramos em porto alegre rs qualquer informacao e valiosa

  4. [...] Saúde da Criança no país, declarou que mais de quarenta por cento das crianças recém-nascidas sofrem de algum tipo de anomalia, geralmente graves. A declaração foi concedida no início deste [...]

  5. deborah

    ola meu nome e deborah tenho 2 filhos e o mais novo tem cardiopatia congenita civ ele gra

  6. Cybele

    bom dia
    Meu nome é Cybele, estou desesperada, com 6 meses de gestação descobri que o meu bebê tem um problema no coração que os médicos dizem que é grave, não sei direito o que é, preciso de ajuda pois não tenho como pagar um tratamento caro, moro em Ouro Fino/MG, e gostaria de passar por uma avaliação na HCOR. gostaria de saber se à essa possibilidade.

    obrigada.


Imagens

3maçã
Progeria
Ambiente saudável
Medicamentos

Feed RSS

Mantenha-se sempre atualizado, assine agora o Feed Rss.

Cadastre-se & Login

Cadastre-se e identifique os seus comentários.

Newsletter

Cadastre-se para receber todos os novos posts do blog:





© Corpo Saun, is part of the network IsayBlog! whose license is owned by Nectivity Ltd.